Garotas Nerds

Fórum para leitoras do blog Garotas Nerds


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ato 2, Parte 2: O Etéreo

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ir em baixo  Mensagem [Página 6 de 7]

126 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 01:31

Morgan se sentia humilhado por aquele sujeito. Nunca antes tinha se sentido tão incapaz contra um inimigo. Foi então que ele decidiu que não se importava mais, tudo que queria era o sangue daquele ser em suas mãos, não importava o que isso lhe custasse. Então ele virou-se para o Capitão Cross e disse-lhe:

-Sim capitão, mas eu não usaria a palavra "possessão", e sim "compartilhamento de habilidades", - Morgan citou as palavras do ser com quem conversara antes de parar ali com aquelas pessoas. - e se eu vou me arrepender disso só tempo poderá dizer, e não este sujeito que está brincando conosco.

Depois de dizer isso, virou-se para o sujeito e disse:

-Eu faria um pacto com Lúcifer em pessoa e com todos os demônios do inferno para ter sua cabeça em minhas mãos. Se você acha que eu me importo com isso está muito enganado.



tecnicamente Morgan ñ tinha aceitado o pacto, pois ele foi parar naquele lugar com os outros antes de dizer "sim". Mas daqui para frente eu vou interpretar como se ele tivesse feito, blz @metalgeisha?

Ver perfil do usuário

127 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 11:07

Após a aproximação brusca de Morgan, Grace se afastou com uns passos para trás, pois percebeu que o homem a quem acabou de indagar não era um ser humano comum. Não disse mais nada, ficou apenas apreensiva, levando as mãos à boca quando Morgan foi atingido.

Ver perfil do usuário

128 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 11:25

- Reese foi um tolo, capitão. Ele barganhou pelo poder... E agora é assobrado pelo sangue em suas mãos!

-Eu faria um pacto com Lúcifer em pessoa e com todos os demônios do inferno para ter sua cabeça em minhas mãos. Se você acha que eu me importo com isso está muito enganado.

Os sentimentos de ódio de Morgan apenas fortaleciam o estranho. Ele fechou os olhos e inspirou, como quem avaliava um vinho.

- Isso... Me odeie, Morgan! A capacidade dos humanos para o ódio é certamente sua melhor qualidade...!

Não, você não aceitou o pacto. Eu sei que você não aceitou, mas o NPC não sabe - ou apenas quer que os outros pensem que aceitou.
Não estou vendo ninguém reagir ao ataque de fúria do Morgan... XD

Ver perfil do usuário

129 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 13:01

Mestra, que sujeitinho enrolado esse vilão! Tá parecendo desenho animado! Estou quase pensando em apontar pra ele e gritar "TE PUNIREI EM NOME DA LUA!!!
Para Morgan
- Ceús, soldado recomponha-se! Não está vendo que está entregando a ele justamente o que ele quer? "Compartilhamento de habilidades"? E que tipo de habilidade você recebeu exatamente em troca? A maravilhosa capacidade de ser MORTO COM UM GESTO? Vamos me diga o que fez... sua alma pode correr um sério risco.
Esse tal de Reese... eu conhecia... um tenente... um bom garoto, que do dia para a noite se tornou um assasino e um louco. Tenho certeza que o que aconteceu com ele foi parecido com o que ocorreu no casamento dos Dashwoood.

Ver perfil do usuário

130 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 13:13

Off: Ele acabou de ficar pior xP. Agora é esperar o pessoal postar...Estou com a leve impressão que o cap vai ter um surto tb

THIS IS SPARTA WAR!
Ariel fez um gesto educado com cabeça quando Morgan apresentou-se. Em questão de segundos, o estado de tensão entre os senhores ( Morgan e o Ruivo), evoluiu de uma maneira que ela não esperava. Observou a atitude do Cap.Cross e depois olhou para Bullet com um pedido de ajuda no olhar,como se estivsse pedidindo para ele ficar atento pois a qualquer momento, ou Morgan ou o Cap. Cross poderiam ter um surto.

Ariella olha para Morgan

-Por favor, Mr. Gray - seu tom era sreno e baixo em um modo que conseguisse acalma-lo - Acalme-se. Ele está manipulando todos nós. Medo e fúria apenas o fortalece. O sr. não vê? Estamos fazendo exatamente o que ele quer.

Ver perfil do usuário

131 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 15:44

A tensão tinha aumentado, mas Bullet não estava mesmo preocupado com isso. Além de cansado, o repórter achava tudo uma perda de tempo. Então, quando Ariel se mostrou um tanto preocupada, ele apenas revirou os olhos.

- Se você quer tanto a cabeça do homem, eu digo para continuarmos e deixarmos os dois se entenderem. Está claro que esse senhor é um desequilibrado e não está mais do que afim de platéia para as suas bobagens. Enquanto perdemos tempo aqui, mal sabemos o que aconteceu à Londres.

Tracer, que até então estava mais distante do grupo, se aproxima de Morgan e do estranho.

- Se não há mais o que dizer, senhor, sugiro que nos deixe passar - logo, coloca a mão sobre o ombro do rapaz e diz em tom mais baixo. - Entretanto, se quiser ficar e lutar, sugiro que pense novamente e veja suas atuais condições. O grupo já está um tanto abalado para começar uma briga.

Com um gesto, ele mostra a Morgan a senhorita Ellie a rezar e o rosto de preocupação dos outros.

Ver perfil do usuário http://nerdrevollution.wordpress.com/

132 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 16:30

Após começar a rezar, Ellie começou a sentir um sentimento cálido em seu coração. A voz que os guiou para fora da caverna soou novamente em seus ouvidos, e até Jane conseguiu ouvi-la. Parecia um cântico, com uma doce voz a cantar.

De repente, o estranho mudou sua feição para medo, como se ouvisse também ouvisse o que elas ouviam.

- Vocês duas, calem-se! - Ele vociferou para Jane e Ellie, ignorando os outros, que não entendiam o que estava acontecendo.

Ver perfil do usuário

133 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 16:40

Grace percebeu as moças rezando e o quanto isso incomodava o estranho de cabelos vermelhos.

- Re... rezem! Rezem mais alto! - falou para Ellie e Jane

Juntando-se às duas, começou a orar também, pronunciando preces comuns, pois não era muito do tipo religiosa, mas achou que talvez pudesse ser a única arma contra aquele homem.

Ver perfil do usuário

134 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 17:18

"Essa... voz. A voz da caverna!" Olhou para Jane, será que ela podia ouvir também? Parecia que sim.

Depois, viu o estranho olhando para as duas com medo no olhar e muita fúria nas palavras.

- Vocês duas, calem-se!

Trocou olhares com Jane. Logo, a bela ruiva (Grace) que estava no grupo com elas disse:

- Re... rezem! Rezem mais alto!

Ellie obedeceu a moça e, vendo que essa também começava a rezar, estendeu a mão livre para ela, fazendo umas espécie de corrente.

Mas, era isso mesmo? Aquilo estava enfraquecendo o ruivo esquisito? Apesar de ainda estar com medo, Ellie sentiu que devia continuar com aquilo.

Ver perfil do usuário

135 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 18:41

Depois de ouvir as palavras de Cross, Ariella e Bullet, Morgan se acalmou.

-Vocês têm toda razão, isso não nos levará a nada e ficar...- Morgan foi interrompido pelo sujeito que deu um grito em direção a duas senhoritas que até então não tinham se manifestado.

"De alguma maneira, a reza das duas incomoda e muito esse maldito. Não posso deixá-lo chegar perto delas!"- Pensou Morgan, depois de analizar a cena por um instante. Então ele recuou e ficou perto das garotas, se o sujeito tentasse algo contra elas, Morgan tentaria pará-lo de alguma forma, mesmo sabendo que não tinha chance alguma de derrotá-lo no estado em que estava.

Ver perfil do usuário

136 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 22:03

Ariel sentiu ter incomodado Bullet com um pedido bobo de ajuda,pensou em desculpar-se mas faria isso em um momento mais oportuno. Apesar de tudo, sentiu um pouco mais de tranquilidade ao ver que o repórter tinha atendido ao pedido. Mal ouvira Morgan voltando a estar calmo quando um grito de desespero do ruivo cortou o silêncio.

Claro! Se ele era fortalecido com medo, seria enfraquecido com esperança.Sorriu leve, discretamente. Começou a rezar em silêncio para si. Não esperava que mais gente acompanhasse,mas se esforçaria.

Ver perfil do usuário

137 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Sab Maio 07 2011, 22:11

* Arthur está confuso. Tenta analisar os fatos para entender o que está acontecendo, deve haver alguma explicação racional... mas não sabendo o que mais fazer, reza também junto dos outros, para quaisquer deus que queira ouvir e tirá-lo daquele lugar da onde sabe que seu pai está morto*

Ver perfil do usuário

138 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Dom Maio 08 2011, 00:28

Tracer não acreditava em todo aquele papo de demônio, possessão e Etéreo, o quer que isso significasse, então não era como se acreditasse em Deus também. Logo, não acompanhou os outros, apenas observou o estranho.

Ver perfil do usuário http://nerdrevollution.wordpress.com/

139 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Dom Maio 08 2011, 01:15

Também ouvira as vozes! Sentiu-se bem!
Depois que a senhorita (Grace) pediu para que rezassem, não pensou outra coisa, o ruivo deveria ser um demônio!
A senhorita juntou-se a ela e Miss Morisson, e deram início a uma corrente de oração. Jogou toda sua esperança nesse ato, quis salvar a todos daquela presença incômoda!
Não fechou os olhos, continuou sussurrando suas preces enquanto encarava o ruivo, não conseguia deixar de olhar para ele, ver o que as orações lhe causavam! Viu que o homem (Morgan) aproximou-se delas, e sentiu-se reconfortada!


quem diria que rezar seria de alguma valia Very Happy

Ver perfil do usuário

140 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Dom Maio 08 2011, 11:12

Minha mãe ia adorar saber que eu ando rezando pela internet...

Ver perfil do usuário

141 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Dom Maio 08 2011, 14:07

Transformaram o PbF numa Igreja! HAHA
Cross não era um cético, mas pela primeira concordava com Bullet em alguma coisa.
Tinha vivido horrores demais na guerra, e depositar fé num Deus altruísta convencional era de sobremaneira mais díficil para ele do que aceitar a existência de dêmonios. No entanto como ele sabia aquela divisão entre espíritos maligno e bondosos era algo típico dos cristãos. Havia muitas forças no universo, e como os próprios humanos elas podiam variar bastante seu espectro moral.
Ele se posicionou ao lado de Morgan, certificando-se que ele não tentaria nenhuma idiotice, e junto com os outros observou a reação do estranho.

Ver perfil do usuário

142 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 10:17

William estava acompanhando toda aquela confusão. Os ânimos se exaltando, já se falavam de demônios e algumas pessoas pareciam aceitar aquilo como uma verdade. Ele não sabia ainda como havia parado ali, mas acreditar em demônios era demais... William fica perto de Morgan, não sabia qual seria a próxima reação dele, William sabia como Catherine gostava do irmão e faria qualquer coisa para ajudar.

Ver perfil do usuário

143 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 14:46

O estranho começou a se contorcer, seu rosto modificou-se. Agora, ao invés de belo e andrógino, seu rosto era desfigurado e maléfico, com presas afiadas e olhos vermelhos. Ele guinchava, um misto de dor e ódio, e o próximo segundo passou em câmera lenta para todos os presentes.

As mãos do estranho se transformaram em garras afiadas, impelidas para o peito de Ellie. Morgan e Richard, que estavam perto dela, só perceberam quando parecia tarde demais, tamanha a rapidez de seus movimentos.

E então, um facho de luz interrompeu toda a cena.

Ellie e os outros foram empurrados ao chão pelo impacto, mas ela estava sã e salva. Na frente do grupo, duas asas se abriam nas costas de uma mulher pálida, loira e luminescente, vestida apenas com trapos.

- Já basta de sua malícia, Asmodeus. - Sua voz ecoava cálida e doce, porém firme. Todos reconheceram imediatamente como a voz que guiou-os para fora da escuridão da caverna. Quando a mulher virou-se para eles, era possível ver que seus olhos brilhavam com um fogo próprio, azulado. Javert reconheceu-a imediatamente: era a mulher de seus sonhos.

@Claun: mulher dos sonhos no sentido de ter aparecido no seu sonho, tá XD

Ver perfil do usuário

144 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 14:55

Apavorado pela transformação do homem, Javert dava alguns passos para tras, embora tentasse se manter a frente das garotas que rezavam, mostrando sua "coragem". Ao reconhecer a mulher que vira em sonhos ele relaxa com um aliviado "Você !" brotando de seus lábios tensos.

Ver perfil do usuário

145 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 16:03

O que dizer? O choque da transformação e a aparição de um anjo fizeram Jane acreditar que estava enlouquecendo. Lembrou-se de Miss Morisson e apressou-se em ver se estava bem.
Não sabia mais o que aguardar de tudo isto, nem se conseguiria ser a mesma depois de tantos acontecimentos extraordinários.

Ver perfil do usuário

146 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 16:20

- Isso tudo só pode ser um sonho...! - Grace estava paralisada com toda a cena que acabou de ver.

Ver perfil do usuário

147 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 20:45

tá acontecendo de um tudo nessa trama! x3


Ellie viu toda a transformação pela qual o estranho ruivo passou, e logo depois quando ele veio em direção a ela. Sentiu a vista escurecer, quase desmaiou de medo.E então viu a pálida mulher loura surgindo.

Horrivelmente trêmula, apoiou-se numa das planta queimadas do jardim, enlaçou os braços ao redor de si mesma,. Tudo aquilo parecia "O Inferno", de Dante. Parecia as histórias fantasiosas que ouvia antes de dormir quando menina. Parecia muitas coisas, menos a realidade.

pra quem tava a fim de ver pessoas semi nuas... a anja(??) ñ tá exatamente vestida (q sacrilégio! -qqq)

Ver perfil do usuário

148 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 23:24

Mestra como é que eu faço mesmo pra rolar um teste de conhecimento sobre Asmodeus? É um nome de dêmonio conhecido. O Cross já deve ter pelo menos ouvido falar sobre ele.
Queria rolar um outro teste também... pra saber o que eu sei (!?) sobre anjos. study

Ver perfil do usuário

149 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Seg Maio 09 2011, 23:58

Ariel por estar de olhos fechados, apenas os abriu depois q ouviu a voz feminina. Por algum motivo, sentiu tranquilidade ao escutar a voz e a forma com a qual falava. Asmodeus? Quem poderia ser? E a mulher? As vestimentas, o brilho do olhar, tudo era estranho. Ariel coloca a mão no braço de Bullet em um gesto involuntário, como se estivesse tentando encontrar algo "real" no meio de tudo aquilo.

Ver perfil do usuário

150 Re: Ato 2, Parte 2: O Etéreo em Ter Maio 10 2011, 01:05

Morgan estava sem palavras. Ele ficou meio que petrificado por um instante, apenas observando aquela cena. Desde que se encontraram com Asmodeus (Morgan não esqueceria esse nome tão cedo), essa era a primeira vez que eles pareciam estar com alguma vantagem em relação a ele.
Quando o anjo se virou para o grupo Morgan esperou para ver o que ela diria.

Ver perfil do usuário

Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo  Mensagem [Página 6 de 7]

Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum